Buscar

Reverb MONO?

   

Muitas vezes não nos preocupamos no posicionamento dos reverbs em uma mix, independente do tipo que se esteja utilizando, quando mudamos de estéreo para mono conseguimos uma sensação diferente para a mix.

Uma situação em que você pode utilizar um reverb mono é quando você precisa de mais clareza e definição para sua mix. Uma das características do reverb em estéreo é o som reverberado “lavar” toda a imagem da sua mix utilizando todo o panorama estéreo (e isso é fundamental para o posicionamento da peça em questão dentro do palco sonoro), queira você ou não, mesmo que a fonte enviada seja uma faixa mono. Além disso, e mesmo se você deslocar uma faixa para o lado esquerdo e também enviá-la para um reverb estéreo, o som espalhará seu efeito uniformemente da esquerda para a direita, independentemente da fonte original. Então, se você está buscando por clareza em um mix, você pode considerar fazer alguns dos seus efeitos de reverb mono, seja no centro, direita ou esquerda, dependendo do panorama da sua fonte para o reverb. Dessa forma você conseguirá mais foco do instrumento sem perder a ambiência desejada.

   No entanto, acho que a polarização do 'mono vs estéreo' é na verdade um pouco limitada, porque essas são apenas duas facetas da questão mais ampla da largura estéreo nos efeitos de reverberação. Por exemplo, eu freqüentemente reduzo a largura estéreo de um reverb de caixa para que ele se encaixe de forma mais convincente dentro da imagem estéreo de uma gravação completa de kit de bateria. Da mesma forma ampliando a imagem estéreo de reverb num kit de bateria ajuda a mergulhar o instrumento na mix. 

Outro truque bacana para produções modernas de pop e EDM, é ampliar um efeito de reverberação até que ele forneça a ilusão de 'fora dos alto-falantes'.